22.11.05

Frustração



Acordar de manhã com vontade de me enterrar na almofada e dizer adeus a tudo. Não quero ouvir nada, nem ninguém! Não quero ouvir as notícias do mundo, a piada do comentador da rádio que acha que tem sempre graça...não quero ouvir aquela frase típica: "Deixa lá, para a próxima consegues".

Quero dormir, quero sonhar no como seria se tudo tivesse levado outro rumo. Porquê ter que seguir este caminho? Terei eu sempre que aprender a dar e dar mais valor a tudo o que acaba por vir? Virá realmente? "Chegarei eu ao céu?"

Vou ter que subir a escada da vida, degrau a degrau, esperando que os joelhos não se esmurrem muito nas previsíveis quedas. Levarei o meu tempo...

1.11.05

Despedidas...

Tenho a sensação que ando a ser perseguida!! Ultimamente só me despeço e quando olho para o futuro, só me vejo a despedir!! Pensava que finalmente tinha chegado...chegado ao momento em que tudo pára, em que as mudanças deixam de existir e tudo fica, finalmente bem. Mentira! A vida quer mais e mais...escolhe para cada dia um novo desafio, uma nova lágrima, um novo adeus. O bom fica sempre para trás, deixando no presente a sensação de que poderia ter sido ainda melhor. O futuro avizinha-se como sempre: chega quase sem avisar e foge no momento em que o tentamos agarrar.


Continuo com a sensação que ando a ser perseguida!!