17.8.16

Viver desmesuradamente?

Não...não tenho vivido...tenho sobrevivido ao seguimento de dias, de rotinas naturais da pequena cria, trabalho, medos, perdas, trabalho, procrastinação, medos, perdas, trabalho...e já disse? Trabalho e perdas...2016 tem sido um ano do caraças e eu tenho sobrevivido como consigo...dando o meu melhor e pior na mesma moeda...

Ainda assim...embora meio perdida, sinto-me com sorte...com sorte de ainda ter o que é essencial e determinante...com sorte de ter a oportunidade de juntar os cacos que se foram estilhaçando nos últimos meses...com sorte de a vida me esperar...outros não têm a mesma oportunidade...

P.s. A ver se o Planeta Psi volta à órbita...

2 comentários:

R. disse...

Bem vinda! Tínhamos saudades!

Cátia Oliveira disse...

Beijinhos querida R. :)